Cotidiano Inspirações

Bullet Journal 2018

Janeiro mal deu o ar de sua graça e eu já tava naquela pilha toda querendo começar o #BuJo de 2018, coisa que hoje em dia é quase como um ritual sagrado. Já tinha comprado uma caderneta pontilhada da Cícero desde o fim do ano passado, numa promoção muito boa que achei no site da Livraria Cultura, daí resolvi aproveitar e comprar logo pra deixar guardada e começar a organizar agora no início do ano. Janeiro chegou, e eu deixei o caderno todo bonitinho, organizadinho e tudo mais, do jeitinho que eu queria; mas aí, quando se tem dentro de casa um sobrinho de 3 anos e uma fechadura com problemas, ele entra no seu quarto e faz a festa nas suas coisas. Resultado: Tudo rabiscado. Chorei, fiquei com raiva (muita raiva), mas não podia reclamar, pois o desleixo tinha sido somente meu. Dei aquela respirada, passei uns dias pensando no que fazer e comecei pesquisando uns cadernos mais baratos, só que por ser início de ano estava quase tudo esgotado nas lojas da vida. Foi aí que decidi que iria fazer o meu próprio caderno, pois sairia muito mais em conta e eu poderia montá-lo da forma que quisesse.

Comecei a pesquisar uns tutoriais mais fáceis (porque nunca fui muito boa com trabalhos manuais que envolvem papelaria) e salvei umas dicas pra servirem de orientação, porque daí a coisa fica guardada pra trabalhos futuros também. Como a maioria dos #BuJos são de folhas pontilhadas, procurei arquivos prontos na web pra poder baixar e imprimir, mas todos eles vinham com uma margem absurda que eu não queria de jeito nenhum 🙁 então continuei pesquisando e achei ESSE SITE (Paperkit), onde você monta o arquivo pontilhado todo de acordo com o seu gosto e salva em .pdf. No fim da mesma página tem outros arquivos já prontos pra download também, é só ver o que mais se encaixa pra você. Baixei o de 5mm x 5mm e mandei imprimir 100 fls A4 frente e verso (pra dobrar em A5), porque queria um caderno com espaço suficiente pra usar como #Bujo e Planner de estudos. Ficou assim:

Logo que terminei de costurar os blocos eu achei que tinha ficado grosso demais, mas aí lembrei que durante esse ano terei trocentas coisas pra escrever por causa do mestrado, e talvez nem as 200 fls sejam suficientes pra me ajudar na organização de tudo… #rindodenervoso 🙁 Eu sinceramente achei que fosse demorar muito mais pra fazer todo o processo, mas fiz tudo em uma tarde, mesmo demorando horrores pra costurar. Acredito que seja porque os tutoriais que assisti eram mega simples e muito bem explicados, o que ajuda muito pessoas lesas e perfeccionistas como eu. Assisti ESSE TUTORIAL para aprender a parte de costura e ESSE TUTORIAL para aprender a fazer a capa. O primeiro está em inglês, mas dá pra entender como ela costura porque é tudo no passo a passo mesmo.

Depois que o caderno ficou pronto, eu ainda precisei esperar de um dia pra outro pra poder usar por causa da secagem, mas fiquei tão feliz com o resultado que não me importei de esperar um pouco e dei um chega pra lá na ansiedade. Acho que uma das melhores sensações que existem é justamente essa: ver o resultado positivo de algo que você mesma produziu. Dessa vez eu fiz de tudo pra deixar de lado o perfeccionismo e a obsessão com os errinhos e os detalhes, porque toda vez eu empacava com os projetos por causa disso. Felizmente, consegui vencer essa barreira e #BuJo tá aí, todo prontinho.

Só não mostro pra vocês o layout das páginas (ainda) porque falta organizar uns detalhes aqui e ali, sem falar que o caderno ainda está bastante vazio. Mas prometo que logo logo, depois de arrumar tudo do jeitinho que eu pretendo, posto fotos das páginas e comento um pouco mais sobre minha organização, porque sei que isso vai ajudar outras gurias também. Só quis vir aqui e compartilhar essa pequena alegria com vocês porque eu realmente precisava fazer isso. Espero de coração que todo esse ritmo de organização me acompanhe até o fim do ano, porque procrastinar não faz bem pra ninguém. Até breve :*

  • Seu bujo ficou maravilhoso! Para falar a verdade, muito mais lindo que os da Cicero. Talvez a façanha do seu sobrinho tenha sido mesmo um empurrãozinho para desenvolver suas habilidades artesanais :).
    Não deixa de mostrar os layouts das páginas quando prontos!
    Beijos :*

    • Pode ser viu?! Há males que vem pra bem né? Hahahahaha
      Que bom que vc gostou 🙂

  • Que amor esse bujo! É tão mais gostoso quando a gente “bota a mão na massa” e faz do jeitinho que queremos, né? Nem sempre sai como queríamos, mas o importante é que sai “a nossa cara”! E isso é tão legal!
    Pro meu estou usando folhas recicladas, e fazendo alguns desenhos à mão, assim, libera a criatividade!

    Um beijo!

    • Verdade! Tô com um carinho por ele que nem sei dizer! <3

  • minebarros

    Ficou lindo demaissss o teu bujo!
    Já tentei de todo jeito me adaptar aos bujo, mas não rola 🙁 nem planners tbm, afff

    • Oxe mulher, pq? Tenta forçar um tiquin, ajuda taaaaanto!

  • Larissa Coutinho

    Ai, eu tenho assistido vários vídeos sobre bullet journal, e como uma pessoa que ama lettering, eu acho lindo, mas morro de preguiça só de imaginar em começar um pois serei que irei desistir no segundo dia, haha. O seu está lindo, vou passar aqui depois pois fiquei curiosa pra ver as outras páginas!